Postagens

Recentes

As estátuas são eróticas. As estátuas são fatais.

Trabalhando em mármore ou O artista esculpindo Tânagra, de Gérôme (1890): não deve haver pintura mais prosaica do que essa. O modelo, bem rígido na sua pose de convenção, tem uma expressão não muito espiritual nem inteligente. A escultura, sendo terminada, mostra dignidade maior. Mas a posição paralela e repetida de ambas introduz alguma coisa de grotesco na demonstração. 
Impressiona, porém, que a estátua realizada tenha adquirido uma grandeza que a pintura não deixa suspeitar.



O caráter demonstrativo da tela está ligado à preocupação de Gerôme em introduzir a policromia nas esculturas - tal como o faziam os gregos antigos, e que é bem percebida nas estatuetas em argila da Grécia antiga, feitas em Tânagra. Parecia-lhe que, assim, a verdade da alma migrava melhor para o corpo de pedra.
Gérôme coloriu delicadamente sua escultura nos cabelos, nos olhos, nos lábios e nos mamilos, um realismo que chocou. Nos tempos do purgatório da arte dita acadêmica, a obra ficou esquecida e, suponho, m…

Poesia em tempos epidêmicos

As armas da traição